quarta-feira, 26 de outubro de 2016

GRITO


GRITO

eu quero poder gritar
gritar sempre gritar alto
eu quero gritar um grito

grito forte grito agudo grito longo grito ardente

poder gritar eu quero
e ouvir o eco do meu grito em ti
eu quero gritar um grito

grito-amor grito-vida grito-sangue grito-alma

eu quero dizer-te em grito estas entranhas
que não vês e que não ouves
que o meu grito é invisível e mudo
mas aquece e queima e funde
eu quero gritar um grito        

grito-fogo grito-chama grito-luz grito-silêncio

se puder gritar bem alto
e tu escutares o meu grito
eu viverei a vida inteira nesse instante
eu serei feliz

eu quero gritar-te o grito
grito forte grito agudo grito longo grito ardente
grito-amor grito-vida
grito-sangue grito-alma grito-fogo grito-chama
grito-luz
grito-silêncio

que o meu silêncio seja o grito

21 de abril de 72
Miguel Leitão

Lido por Pedro Lopes

Sem comentários:

Enviar um comentário